25.04.2015

Iluminadas

Eu li este livro em fevereiro e, não sei exatamente por que, demorei um bocado para fazer a resenha.

Iluminadas é sem dúvida um dos melhores livros de suspense que já li e um dos poucos que não fui capaz de descobrir o grande mistério que envolvia os personagens. A trama é sobre um serial killer que viaja através do tempo fazendo vítimas, mulheres que ele dizia serem “iluminadas”, entre a década de 20 e os anos 90.

Haper, o assassino, é do tipo de homem sem moral e costuma matar suas vitímas com requinte de maldade. Ele utiliza como portal do tempo uma casa, a qual descobre após receber a chave de uma velha. A casa, segundo o personagem, é quem o manda matar as meninas, cujos os nomes estão gravados em sua parede. Viajando através do tempo, Haper visita suas vítimas em diferentes etapas de suas vidas, deixando sempre uma “lembrança” para cada uma delas e, após matá-las, deixa também algum objeto nos corpos. Os objetos dados de presentes e os deixados com os corpos são sempre pertences de outras vítimas, sendo assim, alguns objetos do futuro são deixados em corpos do passado e vice-versa, confundindo a investigação e o afastando do padrão de um seriel killer.

Kirby, uma das “iluminadas”, conhece Haper ainda criança, mais tarde, quando já universitária, Kirby o reencontra, mas desta vez Haper veio para matá-la. Entretanto o plano do assassino fracassa, uma vez que o cão de Kirby a salva, fazendo dela a única vítima a sobreviver ao seu cruel ataque, porém não sem sequelas. A jovem passa a investigar quem poderia ter tentado matá-la, observando diversos assassinatos com padrões parecidos, porém separados por décadas, tentando, por fim, ter justiça. Em sua caçada, Kirby conta com a ajuda de Dan, o agora jornalista esportivo, mas que já foi jornalista policial e cobriu o caso do “assassinato” da jovem.

Gostaria de ressaltar que é necessário dar uma atenção especial ao final do livro. Eu, particularmente achei o final de uma genialidade e tanto.

iluminadas
Chicago, 1931. Harper Curtis, um andarilho violento, invade uma casa abandonada que esconde um segredo tão chocante quanto improvável: quem entra ali é transportado no tempo. Instigado por um comando que parece vir da própria casa, Harper persegue as “meninas iluminadas” – garotas cuidadosamente escolhidas em diferentes décadas – com o objetivo de matá-las. Voltando no tempo após cada assassinato, seus crimes são perfeitos e impossíveis de serem rastreados. Ou pelo menos é o que ele pensa.

Chicago, 1992. Kirby Mazrachi viu sua vida ser destroçada após um ataque brutal que por pouco não a levou à morte. Incapaz de esquecer tal acontecimento, Kirby investe seus esforços em encontrar o homem que tentou assassiná-la. Seu único aliado é Dan, um ex-repórter policial que cobriu seu caso e agora aparentemente está apaixonado por ela. À medida que a investigação de Kirby avança, ela descobre outros casos semelhantes ao seu – e garotas que não tiveram a mesma sorte que ela -ligados por evidências que parecem impossíveis. Mas, para alguém que deveria estar morto, impossível não significa que não tenha acontecido.


1 Comentário
Simone

A Escritora - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015

Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com